Ressonâncias
Semanas de Culminância (2012-2013)

Antes de morrer, queria deixar neste mundo um grupo feliz e fraterno, simples e
sem complicações, Guias seduzidos e vibrantes por Jesus Cristo.
frei Ignacio Larrañaga

Palestra “Passado e Futuro dos TOV” (excertos)

5ª Parte (Final)

Há umas semanas atrás, a Guia Maristella Carvalho (do Brasil) esteve uns dias comigo, porque estamos elaborando o décimo e último Retiro Anual para Guias, que vai se chamar “Modelo Inesquecível”. Trata-se do Irmão Francisco.

Durante a conversa, comentamos sobre os trabalhos apostólicos que ela, Maristella, tem feito, além de aplicar Oficinas. E, entre outros, citou-se os retiros, as jornadas de um dia, as palestras que ela oferecia para pessoas que não eram das Oficinas.


Eu lhe pedi uma lista dessas jornadas ou retiros dados nestes últimos seis ou sete anos. Ela me passou esta lista.

Estado do Rio de Janeiro: Jornada para um grupo de meditação cristã (não católico): 35 participantes. Jornada para pessoas que não conheciam os TOV: 31 participantes. Jornada para noviças de Petrópolis: 18 participantes. Jornada para pessoas que não conheciam os TOV: 37 participantes.

Estado de Minas Gerais: Jornada para pessoas que não conheciam os TOV: 45 participantes. Jornada para pessoas que não conheciam os TOV: 80 participantes. Jornada completa para 33 sacerdotes, um bispo e dois diáconos.

Estado do Mato Grosso: Jornada para ministros da Eucaristia: 72 participantes. Retiro de quatro dias para 40 seminaristas. Jornada para pessoas que não conheciam os TOV: 37 participantes. Jornada para casais, doze casais participantes. Jornada para catequistas e dirigentes de pastorais: 60 participantes.

Estado de São Paulo: em Campinas, para o público em geral, Guias e pessoas que não conheciam os TOV: 320 participantes. Palestras (uma só conferência) no Rotary Club, para 36 jovens e para 42 esposas de rotarianos; na Escola Atec, para pais e professores, 60 participantes; no Centro Cultural, em três eventos, para 1.050 pessoas; na Escola São João Batista, para pais e professores, 80 participantes; na Escola em Progresso, para pais e professores, 75 participantes; na Empresa Anhembi, para empresários, administradores e chefes, 60 participantes; na Empresa Guaxe, Construtora de Estradas, para empresários, chefes e funcionários, 78 participantes; na Empresa Univida (no Dia da Mulher), para a diretoria e funcionários, entre 60 a 70 participantes.

Aqui acaba esta lista. Todas estas conferências foram tomadas literalmente de nossos livros e, em geral, de nossa obra.

Muitos Guias no Brasil têm feito semelhante trabalho, embora não tanto, e muitos outros Guias. E tudo devido a uma só pessoa: Miriam, a Coordenadora, aqui presente, que não só dava autorização, mas que estimulava, pedia dados, fotos... Já imaginaram se em todas as partes houvesse semelhante estímulo? Que frutos teria havido!

Oxalá que também nisto todos os Coordenadores virem a folha e comecem a voar.

***

Terminando...

Pretendemos uma reforma profunda dos Estatutos. Eles foram redigidos nos primeiros tempos, quando ainda não estávamos amadurecidos, e um canonista, doutor em Direito Canônico, nos ajudou muito, mas sem ter conhecimento do nosso serviço, que estava em seus começos.

Agora, temos ampla experiência e outro canonista, que é jesuíta, está nos orientando em tudo.

Não temos medo que diminua o número de Guias. Ao contrário, quase o desejamos, com tanto que os que fiquem sejam entusiastas e comprometidos com nossos ideais.



Em caso evidente, ou flagrante de discórdia e conflito, não vacilem em retirar o Manual [desses Guias], como sinal de que não pertencem às nossas fileiras. Queremos um grupo de Guias potentes e carismáticos, convencidos e entusiastas, ainda que sejam menos numerosos. Tenho a impressão de que também as Oficinas arrastam bastante pessoas desgastadas e medíocres.

Nesta Refundação, vamos eliminar muitos artigos e tudo aquilo que não consideramos importante, para que a implantação de uma Oficina não resulte complicada e difícil, mas uma tarefa feliz e gratificante. Tudo irá chegando pouco a pouco.

***

Antes de morrer, queria deixar neste mundo um grupo feliz e fraterno, simples e sem complicações, Guias seduzidos e vibrantes por Jesus Cristo, ditosos e felizes em seu trabalho, como a primitiva comunidade cristã ou como os primeiros companheiros de Francisco de Assis.

Neste espírito e contexto, eu gostaria que se fizesse o trabalho destes dias, com muita esperança e otimismo. Em nome do Senhor. Amém!




contato@tovbrasil.com.br

2017 © Copyright - Todos os direitos reservados a TOV Brasil. Desenvolvido por PAZINATO T.I.